Yu-Gi-Oh

Em 1996, o desenhista Kazuki Takahashi inventou um jogo de cartas chamado Yu-Gi-Oh (que significa "o rei do jogo"). Ele consiste em um duelo de monstros divididos em grupos como dragões, robôs, fantasmas, aquáticos e dinossauros. Cada participante tem que destruir todos as criaturas de seu oponente. Além dos monstros, há também cartas de rituais, magias e equipamentos, que ajudam na disputa e potencializam o poder dos monstros.

O enorme sucesso do jogo inspirou a criação de histórias em quadrinhos, videogames e desenhos animados. O mais conhecido, também chamado Yu-Gi-Oh, é protagonizado por Yugi, um menino cuja diversão preferida é disputar o jogo de cartas Duelo de Monstros. Um dia, ele monta um antigo quebra-cabeça egípcio e abre caminho para que se revele um lado mais poderoso de sua personalidade (Yami-Yugi). O que Yugi não sabe é que os faraós usavam as cartas para comandar criaturas de verdade, que podem ser libertadas com o jogo. Quem conhece este segredo é o inventor do jogo, Maximillian Pegasus. De olho nos poderes do garoto, ele rapta seu avô e o obriga a participar de um torneio de cartas.

Em 2004, Yu-Gi-Oh virou filme em uma produção da 4Kids Entertainment com a Shueisha, a TV Tokyo e a Nihon AD-Systems. O longa foi dirigido por Ryosuke Takahashi.