busca
facebook twitter rss

11 animais em campo

1. No dia 11 de junho de 2013, o jogador argentino Jose Jimenez, do Bella Vista, maltratou um cachorro que invadiu o campo durante uma partida contra o San Juan, válida por um torneio regional da Argentina. O atleta, depois de ter avistado o animal, segurou-o  pelo pescoço e tentou jogá-lo por cima do alambrado, em direção à torcida adversária. Jimenez foi expulso e precisou sair do campo escoltado, pois tornou-se alvo de objetos atirados no campo.

 2. Aproveitando o clima de carnaval em fevereiro de 2009, um gato preto resolveu cair na folia durante uma partida do Fluminense em São Januário. O felino deu uma incrível arrancada, com um fôlego de se admirar, cruzando toda a extensão do gramado.  Após a aparição do animal, a vitória do Fluminense começou a ser desenhada, garantindo assim a classificação do time das Laranjeiras para a segunda fase da Taça Guanabara. O gato preto deu tanta sorte,aliás, que o jogador tricolor Everton Santos, autor de 2 gols na vitória por 4 a 0 declarou ao final da partida: "Não costumo me apegar a amuletos, mas espero que ele apareça também no Maracanã e nas Laranjeiras, pois esse gato nos deu sorte".

 3. Acostumado a entortar os zagueiros adversários com seus dribles desconcertantes, Garrincha virou vítima de seu próprio veneno na vitória do Brasil sobre a Inglaterra durante a Copa de 62. O fato curioso é que não foi um inglês o responsável por driblar o craque brasileiro, mas sim dois cachorros, que invadiram o campo e levaram à loucura os jogadores que tentaram capturá-los. Muitas tentativas depois, o atleta do English Team Greaves resolveu ficar de 4 no gramado e conseguiu retirar um deles do campo. Enquanto isso, o outro animal saiu de campo sozinho, sem que ninguém conseguisse alcançá-lo.

4.  39 anos depois, a Seleção Brasileira recebeu outra visita canina. Durante o empate por 0 a 0 contra a Venezuela, válido pela Copa América de 2011, um cachorro invadiu o campo de jogo. Dessa vez, porém, o animal era mais discreto, apenas cruzando rapidamente o gramado.

 5. Durante a disputa entre Colo Colo e Boca Juniors da semifinal da Copa Libertadores, no Chile, em 1991, um pastor alemão se tornou herói. Uma briga generalizada se instalou logo no início da partida, ameaçando dar fim ao jogo. Até que o cão Ron invadiu o gramado e mordeu o goleiro do Boca, pondo fim à confusão e possibilitando à equipe chilena chegar à decisão e, posteriormente, ao seu primeiro título continental. E o cachorro parece ter virado ídolo do Colo Colo, já que, muitos anos após a conquista, os torcedores da equipe continuavam a fazer romarias em direção ao cemitério canino no qual o animal está enterrado.

6.  Em uma segunda-feira, mais precisamente no dia 7 de maio de 2012, Blackburn Rovers e Wigan protagonizaram uma partida inesquecível, válida pela penúltima rodada do campeonato inglês. Nem tanto pelo desempenho das equipes, já que ambas lutavam contra o rebaixamento, mas sim por uma visita inesperada: no decorrer do jogo, uma galinha, vestida com as cores do time da casa, o Blackburn, invadiu o gramado e fez a festa dos torcedores nas arquibancadas. Mais tarde, descobriu-se que o animal era o símbolo de um protesto da torcida local contra a empresa agrícola que patrocinava a equipe. No fim, melhor para o Wigan, que venceu a partida por 1 a 0 e escapou de disputar a segunda divisão no ano seguinte, deixando o adversário com o gosto amargo do rebaixamento.

 7.  Na partida entre o Deportivo Pereira e Junior de Barranquilla, válida pelo Campeonato colombiano de 2011,  uma coruja sobrevoou o estádio na Colômbia e foi acertada por uma bola. Caída no campo, a ave morreu após ter sido chutada pelo jogador do Deportivo, Luis Moreno. O atleta foi multado e suspenso. Além disso, seu ato foi considerado uma provocação para a torcida adversária, uma vez que a coruja era uma espécie de mascote do time e trazia sorte ao sobrevoar os jogos. Depois da morte da ave, a diretoria do clube colombiano decidiu eternizá-la, com a construção de uma estátua em sua homenagem.

 8. Durante o Campeonato Suíço, em março de 2013, uma partida foi interrompida por um animal semelhante a uma fuinha. O bicho demonstrou habilidade no drible, escapando de vários atletas. Um zagueiro conseguiu por fim segurá-lo, mas acabou sendo mordido. Só quando um dos goleiros conseguiu capturar o animal de vez que o jogo pôde continuar.

 9. Dizem que a melhor maneira de um indivíduo acabar com brincadeiras ofensivas é aceitá-las sem retrucar. Pensando assim, dois torcedores do Flamengo levaram um urubu para uma partida contra o Botafogo em junho de 1969. A intenção da dupla flamenguista era pôr fim às atitudes racistas das torcidas rivais, que gritavam “urubus” para ofender os negros que torciam pelo time da Gávea. Deu certo. Tanto que o Flamengo acabou adotando o animal como mascote, obrigando os torcedores adversários a procurarem novas brincadeiras.

 10. O que causa maior estrago: um pequeno exército de indivíduos grandes ou um grande exército de pequenos indivíduos? A julgar pela partida  entre Juazeiro e Fluminense de Feira de Santana, válida pelo Campeonato baiano de 2012, é possível dizer que a segunda opção é a resposta correta. Em dado momento da partida, um enxame de abelhas invadiu o gramado, obrigando os jogadores das duas equipes a deitarem no gramado e os 377 torcedores presentes a se abrigarem sob suas bandeiras. A partida ficou paralisada durante 5 minutos e terminou com a vitória do Fluminense, que escapou do rebaixamento com esse resultado.

 11. Que o futebol é um esporte em que são comuns estranhas superstições não é novidade para ninguém. Mesmo assim, o Shakhter Karagandy, time do Cazaquistão, conseguiu surpreender a todos: na vespéra da partida contra o Celtic, válida pela fase preliminar da Liga dos Campeões da Europa de 2013, o clube sacrificou uma ovelha durante os treinamentos. O ritual parece ter dado sorte, já que os cazaques venceram os escoceses por 2 a 0. Mas a UEFA não gostou muito da ideia e, após protestos do PETA (órgão que defende os direitos dos animais), declarou que haverá punição caso os sacrifícios de animais voltem a ocorrer.

 

livro indicado

Isso e muito mais você encontra aqui!

botao conheca

facebook twitter rss

2005-2012 © Guia dos Curiosos Comunicações

Todos os direitos reservados. - Nenhum texto pode ser reproduzido sem prévia autorização.