Grandes amantes da história

Charlie Chaplin
O criador de Carlitos nutria um fraco por mulheres jovens. Suas duas primeiras esposas tinham só 16 anos. A última, que subiu ao altar com 18 anos, lhe deu 8 filhos.

Don Juan
Gostava de jovens senhoras nobres e casadas. Mais de mil passaram por sua cama, segundo os textos do espanhol José Zorrilla.

Errol Flyn
Em sua autobriografia, ele diz ter dormido com 12 a 14 mil mulheres. Flyn morreu com 50 anos, de ataque cardíaco.

Hugh Hefner
O dono e fundador da revista Playboy já declarou em entrevistas que dormiu com mais de 3 mil mulheres em sua vida. Nada mal para quem produziu a primeira edição da publicação masculina mais famosa do mundo na cozinha de sua casa.

Gene Simmons
O visual um tanto quanto bizarro do vocalista do Kiss não atrapalhou suas conquistas (segundo o próprio, foram mais de 4.500 relações). 

Giacomo Casanova
Nos 28 volumes que compõem suas memórias, diz ter dormido com 123 mulheres ao longo da vida. E olha que morreu completamente desdentado.

James Bond
Criado pelo escritor inglês Ian Fleming, não deixa escapar nenhuma colega de aventura, seja ela mocinha ou vilã. Faz parte de seu charme irresistível o terno impecável, a habilidade para se safar de situações difíceis e, claro, uma excelente lábia.

Julio Iglesias
O cantor argentino é um sedutor assumido. Já declarou em entrevistas que suas armas principais são a educação, a modéstia e o respeito às mulheres.

Rei Salomão
De acordo com a Bíblia, em seus 40 anos de reinado na Fenícia, teve 700 mulheres. 

Rodolfo Valentino
Seu nome virou sinônimo de sedutor. Participou de 100 filmes e, apesar de morrer jovem (31 anos), teve tempo de se casar três vezes.