10 loucuras animais pelo mundo

1. Alemanha
O fazendeiro alemão Herrmann Joseg Becker uniu duas coisas que detestava para resolver um problema: porcos selvagens e a cantora Britney Spears. Sempre que os bichos invadiam suas terras, ele colocava discos da cantora em alto volume. Segundo o jornal Daily Record, ao ouvir a música Oops! I did it again, os animais fugiam rapidinho. "Antes a música que os porcos", disse o fazendeiro.

2. Canadá
Segundo o jornal The Sun, uma senhora canadense foi passear usando um casaco de pele, e um esquilo a atacou. O bichinho pulou no ombro dela e se agarrou ao casaco. Quando ela pensou estar livre, o esquilo agarrou sua perna. A mulher ficou muito assustada e disse que as pessoas não deveriam tratar esquilos como animais de estimação, para evitar esse tipo de ataque.

3. Chile
O cachorro vira-lata Chocolate, que vivia na cidade de Punta Arenas, no Chile, recebeu um enterro luxuoso depois de morrer assassinado. O corpo do animal foi encontrado com uma facada e a população ficou comovida com o acontecimento. A organização União de Defesa do Direito Animal se encarregou do enterro, que tinha um caixão coberto por uma bandeira com o desenho de um cachorro. Um homem riu ao saber quem era o morto, foi espancado e acabou no hospital.

4. China
Em 2005, a chimpanzé fêmea Ai Ai, do Zôo de Xian, conseguiu parar de fumar após 16 anos de vício. Os funcionários do Zoo elaboraram um plano especial para fazê-la deixar o cigarro de lado, que incluía um passeio depois do café da manhã, música pop depois do almoço e ginástica à noite. Ai Ai começou a fumar depois da morte de seu primeiro "marido", em 1989.

5. Colômbia
A polícia prendeu um macaco ladrão em Bogotá. O animal havia sido tirado do zoológico da cidade e treinado para roubar bolsas e carteiras de todos aqueles que paravam para acariciá-lo. Em recompensa, recebia bananas.

6. Dinamarca
Uma dinamarquesa de 83 anos deixou uma herança de 60 mil dólares para 6 chimpanzés do zoológico de Copenhague, na Dinamarca. Ela costumava levar a filha, que tinha uma rara doença mental, para visitar os macacos, e jamais esqueceu a alegria que os animais proporcionaram para a menina em seu último ano de vida. Por isso, decidiu deixar-lhes a fortuna.

7. Japão
No Japão, um papagaio foi além do "dá o pé, louro!" e conseguiu voltar para casa, depois de passar 2 semanas perdido. Recolhido por autoridades policiais, o papagaio cinza africano repetiu várias vezes seu nome e endereço, ensinados pelos donos havia pelo menos 2 anos, até ser levado de volta para Nagareyama, onde vive sua "família". Um policial conta que a princípio o papagaio ficou quieto, mas, após ser levado a uma clínica veterinária, "começou a conversar e a cantar". Em tempo: o nome do papagaio era "Yosuke Nakamura". O fato aconteceu em maio de 2008. 

8. Polônia
Uma cegonha míope que voava pelos céus da Varsóvia bateu de frente com um painel que tinha a imagem de uma outra ave. A cegonha machucou uma das asas e foi levada para o zoológico da cidade.

9. Suécia
A notícia saiu na edição de 24 de julho de 2001 do jornal Dagens Nyheter. O cachorro Tassila comeu o equivalente a R$ 250,00 de sua dona, a sueca Gunilla Gonon-Sabelstrom. Ela recuperou o valor esperando o animal defecar tudo. Disse que as notas estavam bem conservadas.

10. Zâmbia
Segundo a agência de notícias Reuters, um bebê foi engolido por uma cobra minutos após ter nascido no país. A mãe entrou em trabalho de parto quando estava indo trabalhar no campo e não conseguiu voltar para casa a tempo. Pariu sozinha e quando se recuperou do parto e foi pegar o bebê, viu que uma cobra que estava ao seu lado já tinha engolido quase todo o corpo da criança. Assustada, a mulher correu para casa para pedir ajuda, mas quando voltou não encontrou a cobra.