10 curiosidades sobre as estações do ano

1. No passado, o ano era dividido em veris (bom tempo, estação da floração), e hiems (mau tempo, estação do frio).

2. O Diccionário Etimológico de la Lengua Castellana, de Juan Corominas, diz que o sistema de quatro estações foi adotado a partir do século XVII. Derivados do latim, os nomes das estações significam: primavera - primo vere, boa estação; verão - veranum tempus, tempo da frutificação; outono -  tempus autumnus, tempo de ocaso; inverno - tempus hibernus, tempo de hibernar.

3. Equinócio, em latim, quer dizer "noites iguais". O fenômeno acontece duas vezes por ano e nesses dias, entre 20 e 21 de março e 22 e 23 de setembro, a noite e o dia têm a mesma duração. O equinócio acontece quando o sol cruza a linha do equador e muda o ângulo de intensidade de luz para outro hemisfério. Na antiguidade, o equinócio separava o veris do hiems.

4. O horário de verão foi uma ideia do norte-americano Benjamin Franklin, em 1784, para economizar velas. No entanto, só foi levada a sério mais de um século depois, durante a I Guerra Mundial. A Alemanha, em 1916, foi o primeiro país a adotar a medida.

5. Na primavera, os animais hibernantes acordam. Esquilos, morcegos, marmotas, ratos silvestres e ouriços estão entre os bichos que embarcam em um sono profundo para poupar energia durante o inverno.

6. Também na primavera, as aves migratórias retornam para seu local de origem. Cerca de 1.800 das 10 mil espécies de pássaros conhecidas são adeptas dessa estratégia.

7. O primeiro dia de verão é conhecido como solstício de verão. O termo solstício vem do latim para "sol parado". Nesse dia, o sol fica numa posição que permite que seus raios atinjam a Terra de forma mais incisiva, provocando o aumento da temperatura.

8. Há um truque para descobrir a temperatura do ar sem a ajuda de um termômetro: a frequência do cri-cri-cri do grilo oscila conforme a temperatura. É só contar quantos "cris" você ouve em 25 segundos, dividir esse número por 3 e depois adicionar 4, que você chegará a um valor aproximado da temperatura ambiente em graus Celsius.

9. A Torre Eiffel, em Paris (França), é 15 cm mais alta durante os meses de verão, devido ao processo de expansão sofrido pelo ferro no calor.

10. Durante o outono, é comum os habitantes do Polo Norte presenciarem o fenômeno da aurora boreal. Vista no céu polar, a aurora boreal consiste em descargas de elétrons e prótons emitidas pelo Sol, que se chocam com os átomos e moléculas existentes na atmosfera do local.