10 famosos que foram acusados de plágio

1. Milton Nascimento

A música "Peixe Morto", gravada por Milton Nascimento para integrar a trilha sonora da minisérie "J.K", da Rede Globo, virou tema de luta judicial. Os compositores Valdemar de Jesus Almeida (conhecido pelo nome artístico de Carlos Mendes) e Neurisvan Rocha Alencar afirmam que o cantor copiou a adaptação da canção folclórica "Peixe morto" feita pela dupla. Entraram no processo também a emissora de televisão e a gravadora Som Livre.

2. 
Beyoncé

A compositora Jennifer Armour veio a público em 2005 clamar a autoria de um dos maiores sucessos da cantora: "Baby Boy". Segundo ela, tanto a letra quanto a melodia da canção são cópias de sua música "Got a Little Bit of Love for You".

3. Carlos Alberto Parreira

Em 2005, o técnico lançou o livro "Evolução Tática e Estratégia de Jogo". O texto foi preparado a pedido da CBF e da Fifa para servir de material didático para o primeiro curso da Escola Brasileira de Futebol. Ocorre, porém, que boa parte do trabalho é uma tradução do livro "Soccer Tatics and Teamwork " (Táticas e Atividades do Futebol), escrito pelo inglês Charles Hughes em 1973. Apesar de toda a polêmica, a Federação Inglesa de Futebol descartou mover uma ação contra Parreira.

4. Dan Brown

O autor de Código da Vinci foi acusado por Lewis Perdue de ter copiado trechos de obras suas ("The DaVinci Legacy" e "Daughter of God") para compor o best-seller. Lewis entrou com uma ação contra Brown, mas perdeu na primeira instância. O casal Michael Baigent e Richard Leigh também recorreram à justiça contra a editora Random House (que publicou o livro). Eles alegaram que Brown "roubou a arquitetura" de sua pesquisa sobre o Santo Graal. O processo também não deu em nada.

5. J.K.Rowling

A escritora Nancy Stouffer disse que a autora tirou a ideia da famosa série de aventuras do bruxinho Harry Potter de um de seus livros. "The Legend of Rah and Muggles" tem um personagem chamado Potter, e a palavra "muggles" ("trouxas" em português) também é usada para definir os humanos sem poderes mágicos.

5. Madonna

A popstar foi processada pelo compositor belga Salvatore Acquaviva. Ele alegou que o hit "Frozen", lançado em 1998, é cópia de uma de suas composições. Salvatore compôs a canção "Ma Vie Fout L’Camp" em 1993. O caso foi julgado pelo Tribunal de Urgência de Bruxelas, que reconheceu o plágio e proibiu a veiculação da música na Bélgica. O anúncio da decisão ocorreu em 18 de novembro de 2005.

Livros lista 100 empregos toscos — e como conseguí-los

6. Paulo Coelho

A psicóloga e colunista colombiana Gloria Hurtado acusou o escritor de ter plagiado uma de suas colunas no jornal El País. Ela declarou que o autor de "O Alquimista" teria usado parágrafos inteiros de uma crônica composta a partir de uma experiência que teve com uma paciente. O caso ocorreu em junho de 2005.

7. Roberto Carlos

Em 1990, o compositor Sebastião Salgado entrou com uma ação contra o cantor, acusando-o de ter copiado dele a música "O Careta". O Rei acabou sendo condenado e teve que pagar uma multa de 2,6 milhões de reais. Quinze anos depois, outro artista, Erli Cabral, deu início a novo processo. Ela disse ser a verdadeira autora de "Traumas".

8. Rod Stewart

Jorge Ben se enfezou com o escocês quando descobriu que ele havia colocado notas iguais às da frase "tê-tetere-teretetê" em "Do Ya Think I’m Sexy?". O cantor reclamou a autoria da expressão, que aparece em Taj Mahal. Ia, inclusive, entrar com um processo, mas mudou de ideia quando Stewart doou os lucros obtidos com a veiculação da faixa para o Unicef.

9. Seu Jorge

Os músicos brasilienses Ricardo Coelho e Rodrigo Pereira acusaram o cantor de ter roubado seis de suas canções. "Carolina", "Tive Razão", "Gafieira S.A.", "Chega no Suingue", "She Will" e "Não Tem" são alguns dos maiores sucessos de Seu Jorge. O processo na justiça começou em 2005.

10. Stephenie Meyer

A autora da série "Crepúsculo" foi acusada de plágio por Jordan Scott, uma escritora norte-americana. Ela foi responsável pelo livro "The Nocturne", que tem trechos na internet desde 2003 e foi publicado na íntegra três anos depois. De acordo com Jordan, o quarto livro da série de Stephenie, "Amanhecer" — publicado em 2008 —, tem ideias iguais às que aparecem no seu livro. O advogado de Jordan Scott enviou uma carta à autora de "Crepúsculo" com todas as semelhanças de personagens e situações entre os dois livros.

Confira aqui casos de plágio no rock