Você provavelmente já viu guias de viagem com conselhos para turistas que querem causar boa impressão quando visitam outros países. São várias dicas de etiqueta, comportamento, gestos, coisas que se deve evitar… O cartunista Cale, famoso pela série de quadrinhos “Things in Squares”, resolveu fazer algo um pouco diferente: uma série de instruções para “torturar” ao máximo um estrangeiro.

São 10 quadrinhos bem-humorados que “ensinam” a traumatizar qualquer visitante de fora. Todos eles mostram as “vítimas” amarradas a paredes ou cadeiras para que não possam reagir. Para enlouquecer um canadense, por exemplo, basta perguntar de que parte dos Estados Unidos ele é. Já os japoneses sairão de si quando um estrangeiro entrar em suas casas calçando sapatos.

Comparação com os americanos enlouquece os canadenses: “De que parte dos Estados Unidos você é?”

A “vítima” japonesa implora: “Não!!!”

 

Em alguns momentos o guia parece mais uma sessão de tortura. Para combater a rigidez na organização dos alemães e sua obsessão com formas geométricas simétricas, ele sugere amarrar um germânico a uma lousa e obrigá-lo a desenhar círculos irregulares.

“Isso é terrível”

Mas é na hora da comida que mais se irritam estrangeiros, ao menos segundo o cartunista. Para um norte-americano, por exemplo, a sugestão é oferecer a ele um prato de tamanho moderado com comida saudável. Com os italianos é mais fácil ainda: é só quebrar um espaguete ao meio antes de cozinhar.

“O que Diabo é isso?”, perguntará o americano ao ver um prato saudável de comida

Quebrar um espaguete é inaceitável para os italianos

Falhar na hora de harmonizar um prato principal com uma bebida é a receita para perder qualquer simpatia dos franceses. Oferecer refrigerante junto de um bife bourguignon certamente fará o francês pedir desesperado por uma taça de vinho.

“Isso não pode ser verdade…”

O artista realmente não tem o menor receio em ser cruel. Em outro quadrinho, ele ensina a segurar um vidro de pimenta durante uma refeição e se recusar a passá-lo para um colega mexicano. Indianos só comem com a mão direita? Não os que conhecem Cale. Ele sugere amarrar a mão direita de um indiano à cadeira e forçá-lo a comer com a mão esquerda. Aos peruanos o destino será ainda mais severo: serão obrigados a comer um ceviche chileno.

Comida mexicana sem pimenta: outra dica de tortura

Indianos serão forçados a comer com a mão esquerda

“Ai, não, imbecil, que nojo…”

Nem mesmo as fronteiras do espaço foram respeitadas. Se encontrar um marciano, jogue na cara dele que Marte não tem água e mostre as maravilhas dos nossos oceanos.

“E essas são as belas ilhas do Oceano Pacífico, ok?”

Aproveitando que o Brasil não está na lista, deixe sua sugestão: o que é que pode ser uma tortura tão cruel quanto essas para nós, brasileiros?

  • Share/Bookmark